13 dezembro 2014

QUER REFORMAR? SAIBA SOBRE A NORMA DA ABNT 16280




Saiba sobre a Norma de Reforma da ABNT






Norma ABNT - Reformas em Edificações – NBR16280:2014

A partir de 18 de abril de 2014, toda reforma de imóvel que altere ou comprometa a segurança da edificação ou de seu entorno precisará ser submetida à análise da construtora/incorporadora e do projetista, dentro do prazo decadencial (a partir do qual vence a garantia). Após este prazo, exigirá laudo técnico assinado por engenheiro ou arquiteto. E o síndico ou a administradora,  com    base    em   parecer    de   especialista, poderão autorizar, autorizar com ressalvas ou proibir a reforma, caso entendam que ela irá colocar em risco a edificação. Estas e outras diretrizes constam da NBR 16280:2014 “Reforma em edificações — Sistema de gestão de reformas — Requisitos” da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), publicada em 18 de março. A iniciativa de propor a norma partiu do presidente do SindusCon-SP, Sergio Watanabe, após o desabamento do Edifício Liberdade e de mais dois prédios, devido a reformas irregulares, em janeiro de 2012, no Rio de Janeiro.      

Como o Designer de Interiores atua em conformidade a Norma NBR 16280?
Para todos os casos, o profissional responsável pela reforma, seja ele, Designer de Interiores, Arquiteto ou Engenheiro, com base nas informações do ante-projeto, um plano de reforma é confeccionado e deverá ser submetido a aprovação do Síndico do Condomínio.

Quando é necessário à emissão de um laudo técnico da reforma?
no geral;
a)     remoção de paredes estruturais (paredes de drywal ou divisórias comum encontradas em apartamento não são paredes estruturais).
b)     construção de paredes de alvenaria (concreto), as divisórias de dryl wall ou madeiras, podem ser instaladas normalmente.
c)     Alteração do layout hidráulico, devido a interligação das tubulações dos andares inferiores e ou superiores. ( ex. a pia está do lado esquerdo e deverá ficar do lado direito).

O que é um ART?

Anotação de Responsabilidade Técnica é um documento emitido pelo profissional habilitado pelo CREA - Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, que executou o serviço. Para o cliente, a ART serve como um instrumento de defesa, pois formaliza o compromisso do profissional com a qualidade dos serviços prestados.

Quanto tempo demora a emissão de um ART?

Rapidez na elaboração da ART, do Laudo Técnico e do Projeto. Ele é feito na hora,  no seu imóvel.
Etapa 1) É marcado uma visita com o engenheiro no local do seu imóvel para emissão da ART / RRT e do Laudo (se precisar).

Etapa 2) Na visita, o profissional responsável pelo projeto de design de interior  vai apresentar o que já foi feito no imóvel e o que ainda pretende fazer, ou seja,  vai expor seus objetivos principais, necessidades, dúvidas e problemas gerais no tocante a questões estruturais.

Etapa 3) O engenheiro vai analisar o caso e emitir uma ART / RRT com Laudo Técnico na Hora, utilizando uma conexão com a Internet. Vai esclarecer suas dúvidas e propor a melhor solução estrutural.


Custo médio da Visita + ART / RRT = R$ 600 para imóveis de até 120 m2 + Taxa Obrigatória do RRT = R$ 70,83 para o Órgão competente. 




Se você gostou desta publicação,
Curta e compartilhe minha página no facebook: www.facebook.com/isabelleitedinteriores e vire um seguidor deste site, além das visitinhas contínuas é claro. Assim você colabora para que este site fique sempre AQUI.


Abraços!


09 dezembro 2014

Quais serão as cores da moda nas paredes e na decoração em 2015? A Pantone responde


Todos os anos, em dezembro, o instituto de cor Pantone* anuncia a cor que ditará a moda - de usar e de morar - para o ano seguinte, e a ganhadora para 2015 é: Marsala, um tom de marrom avermelhado. Marsala é o nome de um vinho italiano de cor semelhante.






A Pantone justifica a escolha dizendo que a cor é igualmente atraente para homens e mulheres, que destaca muitos tons de pele, e que funciona muito bem nas unhas, maquiagem e cabelos. Que também "traz cor e calor para os interiores domésticos".

A diretora executiva da Pantone, Leatrice Eiseman acrescenta: "Marsala é um naturalmente perfeito para a cozinha e sala de jantar, sendo uma cor ideal para bancada, pequenos electrodomésticos e têxteis para toda a casa."

Pensando bem, é uma combinação natural também com os cobres que já são moda há alguns anos, e é uma cor segura, neutra, que aceita bem outras combinações.





Para relembrar, veja na imagem todas as apostas de cores do ano que a Pantone fez, desde que começou a brincadeira, em 1999/2000.

* Difícil dizer exatamente o que é "instituto de cor" sem se enrolar no "o que, afinal, eles vendem?" Basicamente catálogos, análises de cores, aplicativos e consultorias, tudo ligado a cores.


FONTE: DCORAÇÃO.COM





Se você gostou desta publicação,
Curta e compartilhe minha página no facebook: www.facebook.com/isabelleitedinteriores e vire um seguidor deste site, além das visitinhas contínuas é claro. Assim você colabora para que este site fique sempre AQUI.

Abraços!

27 outubro 2014

Painéis vazados na decoração


Cobogó pra você Cobogó pra mim.















Neste post mostrarei algumas ideias de uso de painéis vazados na decoração. São uma ótima forma de dividir ambientes sem fechar totalmente a visualização de um para o outro, permitindo a iluminação e dando um toque especial na decoração de uma forma totalmente funcional!
    Os painéis podem ser de materiais diversos e com formas e cores diversificadas também, cada um deles tem a sua particularidade e você pode escolher aquele que melhor se adapta ao seu estilo e à decoração da sua casa.

    Um estilo de painel vazado que já foi moda e que agora está voltando com tudo na decoração são os cobogós. São peças vazadas que anteriormente eram feitos apenas de cimento e que agora vêm com materiais diversos como cerâmica esmaltada, vidro, porcelana e madeira e que possuem diversos desenhos e quando são colocadas em conjunto formam painéis maravilhosos que podem dividir ambientes, além de outras funções e de permitir a passagem de ventilação e iluminação por eles.




























  Existem, inclusive, os tradicionais biombos que dependendo de seu estilo e forma servem para dividir os ambientes de uma forma linda!








 Acho que já deu para sentir um pouquinho de inspiração para decorar sua casa com painéis vazados não é?
 
    Espero que este post tenha ajudado a ver como esse elemento pode fazer diferença na decoração!
    Até o próximo post!!!

IMAGENS

Cobogós:

 Painéis Vazados Diversos:

Biombos:
site: www.designinteriores.com.br/


Se você gostou desta publicação,

Curta e compartilhe minha página no facebook: www.facebook.com/isabelleitedinteriores e vire um seguidor deste site, além das visitinhas contínuas é claro. Assim você colabora para que este site fique sempre AQUI.

Abraços!





18 setembro 2014

DECORAÇÃO COM PLANTAS PERMANENTES


      


Decorando com plantas permanentes

Antes Plantas Artificiais agora Plantas Permanentes!

Você considera as flores artificiais cafonas? Em sua opinião, usá-las na decoração da casa é sinal de mau gosto? Se a sua resposta é sim, está na hora de rever seus conceitos... Até alguns anos atrás, as opções disponíveis no mercado tinham cores berrantes, acabamentos malfeitos e realmente não eram nada bonitas. Mas, nos últimos tempos, a fabricação dessas peças evoluiram, e hoje é possível encontrar versões tão perfeitas que é preciso tocá-las para se certificar de que não são verdadeiras.

Para quem mora em apartamento, as flores artificiais representam uma excelente alternativa, pois as naturais sofrem com a falta de luminosidade do local.

As plantas são ótimas para alegrar e dar mais delicadeza para o ambiente de maneira simples e divertida. Elas ficam ótimas nos mais diversos ambientes e das mais diversas formas, e são democráticas nas mais diversas ocasiões devido a variedade de cores, tamanhos e formatos. Assim, qualquer pessoa pode utilizá-las ao fazer uma decoração. Independentemente se o ambiente é clássico, moderno, divertido, vintage, rústico, se as flores forem utilizadas de acordo com o contexto, elas farão toda a diferença na decoração do espaço.



VEJAMOS AGORA COMO PLANTAR UMA ÁRVORE ARTIFICIAL:

(ESTA FOI EU MESMA QUE PLANTEI)


MATERIAIS

1 Arvore artificial - altura 1,80
1 Pilha de jornal
2 Pacotes de cascalho
9 pacotes de argila – 900g cada
1 Vaso - 54cm altura x 38cm largura
1 saco de lixo – Tam. 30litros



1º PASSO

Dentro do vaso abra o saco de lixo e acomode os sacos de argila, (não abrir os saquinhos da argila), um em cima do outro, amassando-os para adquirir estabilidade:



2º PASSO
Amasse bastante jornal e acomode-os em volta do saco de lixo com as argilas. Os jornais servirão para dar estabilidade à torre de argila:




3º PASSO
Espete a árvore na pilha de argila até chegar no fundo do vaso. ( os saquinhos da argila são bem fininhos e se romperão fácil ao espetar a árvore). Deve tomar cuidado para a árvore não ficar torta ou descentralizada:




4º PASSO
Amarre o saco de lixo e complete o vaso com mais jornal amassado. Complete de jornal até mais ou menos uns 4 cm da borda decorativa do vaso.


5º PASSO
Despeje o cascalho de maneira uniforme sobre o jornal:




6º PASSO
Prepare-se para receber muitos elogios!






DICAS

1. – Para que o ambiente não fique brega, use flores artificiais de boa qualidade e que tenham a máxima semelhança com as naturais.

2. – A escolha das cores e do material é essencial. Para não errar, opte pelos tons neutros e observe se o verde das folhas parece natural. Atualmente, o mercado oferece versões de silicone, que se assemelham às reais e são belíssimas. Verifique cuidadosamente os detalhes, como a intensidade da cor e a textura das pétalas e das folhagens, que devem ser macias e suaves ao toque. Alguns arranjos chegam a ter raízes e espinhos, que dão autenticidade às peças.

3. – Evite as opções em cores gritantes e inusitadas ou confeccionadas em materiais de baixa qualidade. Uma flor artificial de tecido com a borda esgarçada é terrível, não é?

4. – Sempre que possível, deixe as flores fora do alcance das mãos, para evitar que suas visitas possam tocá-las e se certificar de que se trata de uma versão artificial. Os lugares ideais são as áreas de passagem, pois ali as pessoas não têm tempo de observar se a planta é artificial ou verdadeira.



5. – Flores leves e delicadas, como as orquídeas e os lírios, são sempre chiques e estão em alta na decoração.

6. – As cópias artificiais devem ser colocadas em ambiente semelhante ao qual a espécie verdadeira seria indicada. Esse detalhe ajuda a obter um resultado mais natural.

7- Se expostas diretamente sob o sol elas duram apenas 6 meses, caso contrário são eternas.

8-Apesar de terem uma manutenção mais fácil, também precisam de cuidados com higienização periódica, já que acumulam poeira. Um pano úmido com detergente neutro é o suficiente.



 Fotos:


Eucaliptos

                                                                      Cactos



Orquídea de silicone







                                                                   Árvores: 





Se você gostou desta publicação,

Curta e compartilhe minha página no facebook: www.facebook.com/isabelleitedinteriores e vire um seguidor deste site, além das visitinhas contínuas é claro. Assim você colabora para que este site fique sempre AQUI.

Abraços!




14 julho 2014

Quadros. Você sabe como colocá-los?



           Como colocar os quadros na parede 

              A regra é simples, mantenha-os organizados, como uma colagem.
              Organizar quadros na parede é algo pessoal, mas existem algumas regras para não errar.
              Para que a arte seja valorizada e tenha impacto é necessário que esteja esteticamente bem   posicionada. Você pode posicioná-las por assunto, cor ou tema.
  


O ideal é manter o eixo do quadro a uma altura padrão de 160cm 

 do piso, assim fica na altura dos olhos.






                                                 Arranjos de quadros em forma de retângulo

Uma fórmula convencional, mas sem erros, prevê um quadro maior no centro e outros dispostos simetricamente ao redor, formando um grande retângulo.

 
                                              Arranjos de quadros sem sair do quadrado
Do mesmo modo que a composição acima, esta pede várias molduras de mesmo tamanho para ficar rigorosamente no esquema, o que não é obrigatório.
  
                                         Arranjos de quadros com montagem mais solta
                                 
Neste exemplo, uma faixa horizontal define a colocação de seis quadros. Eles estão alinhados somente na parte inferior. Em cada lateral, um quadro de tamanho diferente torna o agrupamento menos comportado.
   

Se a obra ficar em cima de um sofá, centralize-a. Mantenha a pelo menos 25cm acima da altura do sofá.
Sempre faça um pequeno esboço com as peças que tiver para ter uma ideia de como ficará a composição.
  


Você pode também recortar papeis com o tamanho dos quadros e montar na parede antes de pendurá-los.



Acima de aparadores deixe pelo menos 20 entre o aparador e os quadros.
Fontes: www.casa.abril.com.br/ www.arquiteturaedecoracao.net



Se você gostou desta publicação,


Curta e compartilhe minha página no facebook: www.facebook.com/isabelleitedinteriores e vire um seguidor deste site, além das visitinhas contínuas é claro. Assim você colabora para que este site fique sempre AQUI.

Abraços!
  




 



.